[RESENHA#125] Meu Amigo Dahmer, de Derf Backderf

Postado em Atualizado em

 

timthumb.png
Título: 
Meu Amigo Dahmer

Autor: Derf Backderf
ISBN: 9788594540355
Ano: 2017 
Páginas: 288
Editora: DarkSide Books
Informações: Skoob Goodreads
Compre aqui: Submarino Saraiva Cultura Amazon

Sinopse: MEU AMIGO DAHMER traz o perfil do psicopata Jeff Dahmer quando este ainda era um aluno do ensino médio. O autor do livro foi seu colega de turma nos anos 1970, e conviveu com o futuro “canibal de Milwaukee” com uma intimidade que Dahmer talvez só viesse a compartilhar novamente com suas vítimas. Juntos, Derf e Dahmer estudaram para provas, mataram aula, jogaram basquete. Os dois tomaram rumos diferentes, e Derf só voltaria a saber do amigo pelo noticiário, anos depois. Em 1991, os crimes de Jeffrey Dahmer vieram à tona: necrofilia, canibalismo e uma lista de pelo menos 17 mortos, entre homens adultos e garotos. O primeiro assassinato teria acontecido meses após a formatura no colégio.
Além de remexer nos seus velhos cadernos e álbuns de fotografia, Derf consultou seus amigos de adolescência, antigos professores, os arquivos do FBI e a cobertura da mídia após a descoberta de seus crimes antes de roteirizar MEU AMIGO DAHMER.


Olá meu povo e minha pova!

Estou aqui de volta com mais um HQ da Darkside Books.

Adquiri essa HQ assim como a maioria de meus livros ultimamente. sem saber muito bem do que se trata 😀 , e ao sentar, abrir e iniciar a leitura, eu fui descobrindo de Jeffrey Dahmer é um dos serial Killers que li no livro Arquivos Serial Killers: Louco ou Cruel? da Ilana Casoy, já resenhado AQUI no blog.

Sim, eu sei. Eu sou muito desligada…. Entretanto, agora que “tô ligada”, eu posso falar para vocês que nesta HQ, vamos ver a história por outro ângulo. Veremos através do olhar de Derf, seu amigo da escola e autor desta obra.

Durante a leitura descobrimos um novo lado de Jeff e como tudo aparentemente aconteceu. Conhecemos como era seu relacionamento com seus pais e até entre eles mesmo. Descobrimos através de relatos de amigos, vizinhos e demais alunos da escola, como era a criança, o adolescente e o adulto problema, Jeff Dahmer.

Achei a HQ bem interessante. Mais fácil dessa vez de acompanhar, visualmente falando, ao menos para mim, uma vez que é todo em preto e branco e mais sóbrio com relação aos quadros. 

23480796.jpg

Achei super interessante também saber um pouco mais sobre Jeff. Gosto bastante de ler sobre Serial Killers e saber um pouco mais da infância e do começo de tudo, os sinais ignorados, etc… e saber um pouco mais de seu perfil psicológico foi muito importante para dar base a maioria de seus atos. Um Pai muito rígido, uma mãe viciada em remédios, um comportamento recluso e solitário, curiosidades peculiares e a falta de diálogo com os pais são um dos fatores fundamentais para tornar Jeff  no adulto ao qual se tornou.

Com relação ao livro, o tamanho é padrão dos livros da Darkside, 16 X 23 cm. As folhas são brancas uma vez que todo o HQ é em preto e branco. Paginas grossas e traços muito bem feitos compõem a obra de Derf Backer.

Com data de estreia mundial prevista para dia 3 de novembro, a adaptação desta HQ já conta com Teaser no Youtube. 

 

Em resumo, gostei bastante da HQ e pretendo ver sim o filme.

Ultimamente estou sendo agraciada com ótimas leituras e estou bem feliz.

Pra quem curte histórias de Serial Killers, conhecer um pouco mais sobre a mente por trás desses seres humanos, tá aí a minha dica!

BJX!!

ana-souza-neo-000

Anúncios

22 comentários em “[RESENHA#125] Meu Amigo Dahmer, de Derf Backderf

    Morgana Brunner disse:
    4 de outubro de 2017 às 12:41

    Oi Ana tudo bem?
    Que demais esse livro garota, com toda certeza eu adoraria assistir, ainda mais sendo dessa editora tão queridinha, gostei de todo o suspense e quero vivenciar a história de Dahmer, dica anotada com toda certeza.
    Beijinhos

    Curtir

    Raíssa Nantes disse:
    4 de outubro de 2017 às 13:03

    Recebi a indicação desse HQ há poucos dias de um amigo meu do antigo trabalho e fiquei interessada. Eu já conhecia os crimes do cara e tal pq acompanho um canal no YouTube Freak TV que o Milho Wonka faz resumos sobre serial killers e seus crimes. Não tenho MT estômago pra ler sobre eles, mas conheço alguns pelos vídeos do canal. A história parece ser interessante, no entanto, apesar de curiosa, não sei se o leria no momento.

    Curtir

    Gleyse Vieira disse:
    4 de outubro de 2017 às 19:07

    Olá, eu gosto de histórias de serial killers, mas engraçado que ainda não li nenhum quadrinho da editora que tanto gosto. Gostei da premissa e da qualidade dos desenhos e tal. Um dia me animo e acabo lendo.,Bjs

    Curtir

    Rosemary S. de Castro disse:
    4 de outubro de 2017 às 21:03

    Oi Ana, não vou dizer que gosto de ler sobre a vida de um serial killer, mas gosto do assunto em si, da parte psicológica de uma pessoa como ele. Não tinha visto o livro ainda, e vou deixar a dica anotada.
    Bjs rose

    Curtir

    Helyssa disse:
    4 de outubro de 2017 às 22:24

    Oi Ana, gosto de filmes e livro nesse estilo, mas nunca li quadrinhos no tema. Gostei da ideia, com certeza a dica está anotada para conferir. Bjs

    Curtir

    Driely Meira disse:
    5 de outubro de 2017 às 09:40

    Oiee Ana ^^
    Diferente de você, eu não sou muito fã de histórias sobre serial killers…haha’ acho que eu ficaria um pouco paranoica se visse ou lesse algo assim. Mas a HQ parece ser bem bacana, acho que a única HQ que eu cheguei a ler (tirando os quadrinhos da Turma da Mônica e tudo o mais) foi uma do Percy Jackson *-* sendo da DarkSide, imagino que a diagramação esteja maravilhosa!
    MilkMilks ♥

    Curtir

    Jéssica Luise disse:
    5 de outubro de 2017 às 10:53

    Oi Ana,
    Eu já tinha lido outras resenhas do HQ e me interessei bastante pela leitura, principalmente por se tratar de uma história real. Não sabia que iriam lançar o filme! Agora depois de ver o trailer fiquei doida pra assistir!
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    Curtir

    Juliana França disse:
    5 de outubro de 2017 às 11:37

    Achei um maximo essas ilustrações, acho que tinha ouvido fala mas não sabia que tinha uma adaptação 3

    Curtir

    veveviblog disse:
    5 de outubro de 2017 às 14:00

    Caramba, eu não tinha ideia do que a HQ se tratava de verdade, e fiquei bem interessada com essa resenha.
    Também não sabia da existência do filme que será lançado ainda.
    Ótimas dicas.
    Beijos

    Curtir

    Porre de Leitura e Livros disse:
    5 de outubro de 2017 às 16:20

    Oi, Tudo bom?
    Não conhecia esse HQ, mas adoro histórias nesse formato, embora ainda sou nova nesse tipo de leitura, fiquei bem interessada e também quero ver o filme.
    beijos, Joyce de Freitas.

    Curtir

    Laneh Martins disse:
    6 de outubro de 2017 às 13:58

    Olá, tudo bem?

    Não conhecia essa HQ. E histórias com serial killer não são meu forte, apesar de achar interessante, dessa vez passo a dica.

    Beijos

    Curtir

    Joyce Penedo disse:
    6 de outubro de 2017 às 15:56

    Ana lindona não conhecia o livro, mas achei bem interessante e com certeza vai me fazer sair de minha zona de conforto, com certeza a edição é um espetáculo a parte. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    Curtir

    Michele Lopez disse:
    6 de outubro de 2017 às 16:34

    Olá,
    Também tenho a mania de comprar os livros sem saber muito do que se trata, levando apenas a capa em consideração kkkkk
    É a segunda resenha que leio sobre a obra que me surpreende bastante por seu conteúdo que, a meu ver, é bem mórbido e chocante. Não é um gênero que costumo ler e confesso que não fiquei muito curiosa para saber mais detalhes não rsrs
    A edição está bem bonita.

    LEITURA DESCONTROLADA

    Curtir

    Maria Luíza Lelis disse:
    6 de outubro de 2017 às 21:11

    Oi, tudo bem?
    Eu já tinha ouvido falar sobre essa HQ, mas confesso que não me interessei muito em ler. Eu já não sou muito fã de quadrinhos e detesto histórias envolvendo serial killers, ainda mais que nesse caso se trata de uma história real.
    De qualquer forma, a edição parece estar ótima (DarkSide sempre arrasa né?) e fico feliz que você tenha gostado da leitura.
    Beijos!

    Curtir

    Giovana Soares disse:
    7 de outubro de 2017 às 12:29

    Oii, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia a HQ mas estou muito interessada em ler, eu acho que seria interessante conhecer um outro angulo dessa historia. Com certeza eu vou ler.

    Curtir

    kênia Cândido disse:
    8 de outubro de 2017 às 00:34

    Oi Ana.

    Eu estou com muita curiosidade de ler essa HQ, justamente por contar a história de um Serial Killers e um pouco mais da infância dele. Nunca li uma HQ dessa maneira e mencionar o começo de tudo e os sinais ignorados, cria uma expectativa enorme. Parabéns pela resenha.

    Bjos

    Curtir

    Tânia Bueno disse:
    8 de outubro de 2017 às 20:14

    Oi Ana, a DarkSide é uma editora top máster na minha opinião. Vejo a qualidade desse HQ e fico impressionada. Fico feliz que suas leituras estejam lhe agradando, isso é muito bacana. Não conhecia o título e saber que logo terá o filme é uma novidade muito legal.

    Bjos
    Tânia Bueno

    Curtir

    Gisele Cristina Aguiar da Silva disse:
    8 de outubro de 2017 às 21:42

    Ola, tudo bem?
    Pera, vai ter filme? Preciso ler/ver antes da estréia, aí como tô perdida! É em HQ que legal! E com um tema muito diferente! Uma pessoa que foi um assassino e você pode conhecer o anterior a isso, e como talvez aquilo que o motivou a agir assim ou simplesmente se ele já demonstrava um certo desequilíbrio.
    obrigada pela dica,
    bjus

    Curtir

    Karla Samira disse:
    9 de outubro de 2017 às 12:51

    Olá! Que bacana se tratar de uma história sobre um serial killer, onde podemos conhecer melhor sua infância, sua história e, talvez, um pouco do que o levou a se tornar um assassino em série. Essa editora é bem famosa por suas edições e até estranhei por ser em preto e branco. Que bom se tratar de uma história fácil de se acompanhar e que o livro já tem adaptação ao cinema com data de estreia.
    Beijos!
    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    Curtir

    Danielle Rodrigues Casquet de Melo disse:
    9 de outubro de 2017 às 15:27

    Olá Ana, eu leio poucos livros com personagens diretos como seriais killers, mas gostei da dica desse HQ. O fato de saber o que se passa na cabeças dessas pessoas é o que mais aguça a minha curiosidade. Gostei muito da sua resenha. Bjkas

    Curtir

    Thais Rodrigues (Kira) disse:
    20 de outubro de 2017 às 02:36

    Fiquei super curiosa! Eu tenho uma quedinha por contos de serial Killers (tanto baseados na vida real quanto os que são ficção completa) pode ser série, filmes, mangá,livro HQ, o que for, eu realmente me interesso muito pelo assunto, obrigada pela dica!

    Beijos!

    Curtir

    Suelen Fernandes disse:
    5 de novembro de 2017 às 18:25

    Olá!
    Eu gosto de ver filmes de serial Killers, mas livros nunca me interessei. Mas quem sabe com HQ eu me empolgue mais. Amei ver a sua dica e assim que tiver a oportunidade pretendo ler.
    Beijinhos!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s