[RESENHA#104] Arquivos Serial Killers: Louco ou Cruel? , de Ilana Casoy

Postado em Atualizado em

download.jpg
Título:
Arquivos Serial Killers: Louco ou Cruel?

Autor: Ilana Casoy
ISBN: 9788566636284
Ano: 2014
Páginas: 360
Editora: DarkSide® Books
Informações: Skoob / Goodreads
Compre aqui:  Saraiva 

Sinopse:  A primeira parte de Louco ou Cruel? aborda os serial killers sob diversos aspectos e à luz da criminologia, do direito, da psiquiatria e da psicologia, e dedica-se a dissecar esse universo, analisando como tudo começa, quem são as vítimas, os aspectos gerais e psicológicos, os mitos e as crenças, o perfil do criminoso, a psicologia investigativa, a encenação/organização da cena e a análise do local do crime.
Na segunda parte do livro, Casoy apresenta em detalhes 16 casos de serial killers que chocaram e marcaram o século XX, entre eles Aileen Wuornos, Albert Fish, Andrei Chikatilo, Ed Gein, Jeffrey Dahmer, Ted Bundy e o Zodíaco, cuja identidade segue desconhecida até hoje. Histórias que habitam as entranhas da humanidade e o que ela tem de pior: perversidade, frieza e falta de sensibilidade que acabam por produzir o mal em escalas inimagináveis.


Como todos já sabem, sou estranha. Curto esse tipo de leitura.
 
Não que eu ache legal a dor e sofrimento alheio somado a crueldade do ser humano, só que eu acho que lendo sobre isso, eu me “previno” de alguma maneira. Aquela coisa de aprender mais sobre o inimigo….
Ok! Agora eu sou estranha e paranoica! 
giphy.gif

Esta obra da Casoy é realmente bem impactante e nos trás de forma bem detalhada 16 grandes casos de assassinos em série. É possível conhecer sobre a vida deles, sua infância, seus antecedentes, seus modos operandi e tudo mais.

Casoy começa nos dando uma super aula sobre “O que é um Serial Killer”, explicando quem é a vitima, os aspectos gerais e psicológicos do assassino em série, os mitos e as crenças aos quais os envolve, assim como explicações de termos técnicos, relatórios policiais e  estatísticas de estudos sobre os casos para nos apresentar  e fazer entender da maneira mais detalhada possível.

É uma obra incrivelmente explicativa, minuciosa e chocante.

Dentre os 16 casos podemos ver o caso até hoje não resolvido do “Zodíaco”, ao qual foi inspiração para vários filmes de Hollywood…

 

Aileen Wuornous, uma assassina que matava homens nas estradas e os roubava, e que também foi eternizada nas telonas sendo interpretada por Charlize Theron

cfe564ddb65275a359f24f592d5e9b38.jpg

Entre muitos outros assassinos. Casais, senhores, homens bonitos, jovens loucos… Qualquer um pode ser um assassino em série. Nesta obra, podemos ver que loucos e cruéis não são apenas os mal encarados, feios, altos demais ou desengonçados em demasia. Pode ser aquele casal lindo da casa ao lado, aquele vovô simpático da esquina, aquele homem trabalhador e pai exemplar da casa da frente, o super charmoso do trabalho…. qualquer um. Qualquer um deles podem ser responsáveis por atrocidades inimagináveis.

Ok, to paranoica de novo…

giphy (1).gif

A nível de informação técnica, o livro está sem erros de digitação, diagramação incrível, recheado de imagens, grades informativas, bibliografia de todas as informações citadase tudo o mais que se tem direito. Casoy não poderia fazer uma parceria melhor do que essa, porque a Darkside sempre arrebenta.

vale também ressaltar que esta edição vem com dois novos casos e mais informações novas sobre alguns casos já expostos pela autora na edição antiga. 

Eu gostei bastante da leitura, mas honestamente, não recomendo a quem é sensível. e paranoicos…. 😀

ana-souza-neo-000

Anúncios

7 comentários em “[RESENHA#104] Arquivos Serial Killers: Louco ou Cruel? , de Ilana Casoy

    Camila Mondaini Paulino disse:
    6 de julho de 2017 às 16:51

    Bom se você é estranha, eu também sou, porque li sua resenha e fiquei super interessada em ler o livro. Adoro livros com serial killers e o fato de esse ser falando de casos reais e até um não solucionado até os dias de hoje, desperta totalmente a minha atenção e o meu interesse. Fiquei louca para ler essa obra, já anotei na listinha!

    beijinhos!

    Curtir

    Porre de Leitura e Livros disse:
    10 de julho de 2017 às 09:26

    Olá! Tudo bom?
    Nossa acho que também sou estranha, pois também curto esse tipo de leitura, acho que sou meia gótica suave kkk. Achei muito interessante, com certeza vou procurar o livro. Obrigada pela dica e parabéns por seu post.
    Beijos.

    Curtir

    Adriana Moreira disse:
    10 de julho de 2017 às 14:45

    Olá!
    Eu não curto muito esse gênero de livros, mas tenho uma listinha que vou ler ainda esse ano. Acho meio macabro e não é que me assuste, simplesmente não é um assunto interessante para mim, apesar de ser importante saber como essas pessoas que são serial killers costumam pensar e agir para a gente mesmo se proteger desses tipo. Mas, valeu pela dica e sua resenha está muito legal! Parabéns! Abração,
    Drica.

    Curtir

    Leticia Golz disse:
    11 de julho de 2017 às 10:22

    Oi, Ana
    Então somos duas estranhas, pois eu também adoro saber mais sobre eles haha Sempre que posso leio algo. Esse livro ainda não conhecia. É impressionante como pode ser qualquer pessoa, até nossa mãe. Bizarro isso, né? Nunca desconfiamos, por isso acho que mesmo que lemos para nos prevenir, acho difícil haha. Adorei a dica.

    Livros, vamos devorá-los

    Curtir

    Aline Coelho Cury disse:
    11 de julho de 2017 às 22:42

    Ana com certeza esse não é o meu estilo de leitura, mas entendo quando você fala que sente atração por esse tipo de leitura por acreditar que ‘conhecendo melhor o perfil dos inimigos’ você se sentirá melhor preparada para se defender. Não se ache estranha por isso viu!!!
    Enfim, gostei de conhecer um pouco melhor esse título.
    Parabéns pela leitura e pelo texto!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    Curtir

    kênia Cândido disse:
    12 de julho de 2017 às 13:09

    Oi Ana.

    Que resenha menina! Eu já estava louca para ler esse livro e conhecendo sua opinião minha vontade aumentou demais. Não ache que você é estranha porque eu sou assim também adoro ler essas histórias e esse tipo de livro alimenta demais esse meu lado. Dica anotada, quero demais ler dos dois livros.

    Bjos

    Curtir

    [RESENHA#125] Meu Amigo Dahmer, de Derf Backderf « LiteraKaos! disse:
    13 de setembro de 2017 às 09:04

    […] Killers que li no livro Arquivos Serial Killers: Louco ou Cruel? da Ilana Casoy, já resenhado AQUI no […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s