[RESENHA#34]Coringa, de Brian Azzarello e Lee Bermejo(Ilustrador)

Postado em Atualizado em

coringa-brian-azarello-capa-paniniTítulo: Coringa
Autor: Brian Azzarello
Ilustrador: Lee Bermejo
ISBN: 9788573515466
Ano: 2009
Páginas: 132
Editora: Panini Comics
Informações: Skoob / Goodreads

Compre aqui: Submarino / Saraiva / Cultura / Amazon
Sinopse: O título Coringa, de Brian Azarello (Batman: Cidade Castigada, Superman: Pelo Amanhã), traz com riqueza de detalhes o modo de agir do Coringa, seus aliados, suas motivações. Libertado do Asilo Arkham, o Palhaço do Crime volta à sua vida em Gotham. Ele precisa reconquistar seu território e lembrar a todos quem é realmente o dono da cidade. Mostrando o ponto de vista do submundo dos vilões, Brian inova e lança um novo olhar sobre Gotham City. Ao seu lado, Lee Bermejo (Lex Luthor: O Homem de Aço) trouxe uma nova interpretação sobre a cidade e seus habitantes com seu traço característico e de impacto.


Olá gente!!!

Voltei com mais uma resenha de HQ! Tenho algumas aqui em casa e nunca li sem motivo aparente, mas como agora estou precisando de leituras rápidas, optei por elas e não estou me arrependendo.

Mais uma vez, vou começar essa resenha, informando que não sou do grupo que ama HQ e trata isso como vida. Sou uma leiga que está lendo e dizendo o que acha como uma leiga. Loooogo, please, não peguem no meu pé! 😀

coringa3

Em Coringa, vemos uma história diferente. Embora o título seja Coringa, não é o mesmo que narra, e sim um bandido qualquer, Jonny Frost, no caso, que acaba conquistando a simpatia do Coringa e se transforma em seu motorista.

Jonny acaba nos fazendo conhecer um pouco do Coringa, a sua instabilidade e inconstância, sua luta para recuperar a cidade de Gothan que foi totalmente tomada por outros vilões, durante sua estadia no Asilo Arkham, e o modo conturbado com o qual demonstra afeto.

Quando acabei de ler, me senti um pouco confusa… Achei a história muito parecida com O Cavaleiro das Trevas e o Coringa IDÊNTICO ao personagem de Heath Ledger no filme… não sabia quem havia se baseado em quem e após algumas pesquisas bem superficiais, descobri algumas coisas. Uma delas é que essa HQ teve uma aceitação bem mediana devido as mesmas impressões que eu tive.

A história se passa num universo alternativo, fora da cronologia oficial da editora, e isso pode justificar algumas coisas como por exemplo a saída, pela porta da frente, sem motivo aparente do Coringa do Asilo.

Achei a história bem mais ou menos e eu não fui a única pelo visto, como já disse antes. Assim como também não fui a única a perceber a semelhança do Coringa com o personagem feito pelo Heath Ledger. A personalidade, as características, cores, modo de agir, exatamente TUDO igual. Logo, podemos concluir que Azzarello criou a história tendo como base, o Coringa  de Heath Ledger.

2gtyzgx

 

Não vou negar que gostei porque eu amei o Coringa de Ledger, mas a história em si, foi muito “meio pombo”….

Contudo, entretanto, todavia, a ilustração de Bermejo veio pra arrasar e salvar o conjunto da obra.

Enfim, não foi uma das melhores HQ’s que já li. Mas também não foi uma das piores historias….

Como se eu tivesse lido várias…. huahuahuahuahuauha

14c5n43

OK! OK!!!

Vou continuar lendo! 😉

ana-souza-neo-000

 

 

 

Anúncios

17 comentários em “[RESENHA#34]Coringa, de Brian Azzarello e Lee Bermejo(Ilustrador)

    F disse:
    10 de janeiro de 2017 às 09:25

    Olá
    Eu não conhecia esse título, mas já fiquei muito curiosa pelo fato de ser a respeito do coringa. Achei mais interessante ainda por ser uma história diferenciada, como você mesmo comentou. Eu gosto bastante de HQs sim, então com certeza gostaria de conferir esta. Me chamou também sobre o narrador e pelo fato de se basear no coringa de Ledger.
    Beijos, Fer
    http://www.segredosemlivros.com

    Curtir

    Naylane Sartor disse:
    10 de janeiro de 2017 às 13:14

    Oie! Tudo bem? Nossa tenho uma pilha de HQ’s aqui em casa, de todas devo ter lido somente 4 e para ser sincera não faço ideia de como resenhar uma! E descobri uma expressão nova para o meu vocabulário: “meio pombo” moça da onde cê tirou isso? Como eu nunca assisti ao filme que o Ledger contracenou, acredito que se eu tivesse lido a HQ não teria notado as semelhanças (no modo de agir dele), mas teria ficado curiosa em relação ao rosto pois me lembraria de algo! Curti bastante a resenha e vou ver se acho a HQ para comprar e ler!
    Bjss

    Curtir

    Ivi Campos disse:
    11 de janeiro de 2017 às 08:43

    Que pena que a história é fraca, mas concordo com você sobre a ilustração, é um arraso, de deixar a gente no chão!!!

    Curtir

    Brenna Damaceno disse:
    11 de janeiro de 2017 às 15:35

    Oi, tudo bem?
    Eu não leio HQ, mas quero começar a lê, e a principio, quando vi que a resenha era de uma referente ao Coringa eu logo já pensei, que quero essa HQ kkk mas quando fui lendo a sua resenha e vi que apesar da obra ser de um dos meus vilões preferido não era tão boa assim acabei preferindo deixar a dica passar. Mas ainda assim, adorei conferir a sua opinião sobre a obra e acho uma pena ela não ter sido tão satisfatória assim.

    Curtir

    Elidiane - Leitura Entre Amigas disse:
    11 de janeiro de 2017 às 21:29

    Oi, Ana!
    Nunca li HQs, espero me aventurar em ler um muito em breve.
    Esse do Coringa parece ser bem confuso e repetitivo, mas a leitura parecer ser interessante.
    Parabéns pela resenha.

    Beijos,
    Eli – Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    Curtir

    Cristiane Rodrigues disse:
    12 de janeiro de 2017 às 11:15

    Oiii!
    Eu também não tenho costume de ler HQ. Recentemente li uma do “Clube da Luta”, mas não gostei tanto assim. Eu não conheço muito sobre o Coringa, então sou bem suspeita para falar qualquer coisa. Uma pena que a HQ não tenha sido uma leitura tão boa. Quem sabe a próxima te surpreenda.
    Beijos

    Curtir

    Bruna Costabeber disse:
    12 de janeiro de 2017 às 19:11

    Olá Ana,
    Não leio muitas HQs, mas acho que é por falta de costume mesmo, sabe? Curti muito suas impressões foram bem interessantes. Gosto muito do Coringa e acho que a leitura me agradaria bastante, mas, além de agradar a mim, também agradaria ao meu irmão que é muito fã.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    Curtir

    Rízia Castro (Livroterapias) disse:
    13 de janeiro de 2017 às 10:15

    Oi
    Quase não tenho oportunidade de ler HQ´s, mas acho simplesmente incrível.
    Gostei muito de conhecer esse do Coringa. Acho uma personagem interessante, meio místico. Gostei dos elementos encontrados na sua resenha.
    Adorei a dica.
    Beijinhos
    Rizia – Livroterapias

    Curtir

    Letícia Dias Soares disse:
    13 de janeiro de 2017 às 11:02

    Olá!
    Confesso que não sou grande fã de HQ, mas sou apaixonada por vilões. Principalmente o Coringa.
    Mas irei pegar essa indicação para uma leitura futura…

    http://feliciity-unjourdepluie.blogspot.com.br

    Curtir

    Michele Lopez disse:
    13 de janeiro de 2017 às 13:55

    Olá,
    Confesso que não tenho o hábito de fazer leituras de HQ’s e que também sou leiga no assunto.
    Achei a premissa bem interessante e o curioso o fato dessas semelhanças sendo que esse teve uma aceitação mediana exatamente por esse fato.
    As ilustrações me deixaram intrigadas.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    Curtir

    Andressa Ledesma (@apenas_um_vicio) disse:
    13 de janeiro de 2017 às 18:28

    Também não sou viciada em hq, mas confesso que sempre tive interesse de conhecer as histórias dos heróis e vilões por elas, mas nunca soube por onde iniciar, então fico só nas adaptações mesmo, hahaha.
    Achei os quadrinhos muito bonitos, deve ser uma edição linda.
    beijos
    http://www.apenasumvicio.com

    Curtir

    Priscila Alexandre disse:
    14 de janeiro de 2017 às 10:08

    A capa me fez franzir o rosto em nojinho, não porque é ruim… é porque mostra o Coringa de fato, com dentes nojentinhos! @_@

    Os traços da HQ parecem excelentes e não sei… não parece igual o Heath não! Cor do cabelo talvez, mas a cicatriz e algumas outras coisas não achei muito parecida, embor asó esteja comparando com a imagem que você colocou. Não sei se tenho paciencia pra ler esse tipo de HQ, digo de super herois e tudo o mais… Mas já que os tem, melhor ler!

    Abraços!

    Curtir

    Profissão: Leitora disse:
    15 de janeiro de 2017 às 20:15

    Oi, tudo bem? Sou uma apaixonada por quadrinhos, de qualquer tipo. Aprendi a ler com eles, e por muito tempo era só o que lia. Conheço muito, mas não me considero uma fã, fã… gosto muito, mas sou super de boas… Não tenho esse quadrinho e não o li, porque não gostei da arte… sim, por isso, então não posso julgar. Mas gotes muito do filme e coringa dele… acho que gostaria de ver nos quadrinhos isso. Mas infelizmente no momento não irei conseguir.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    Curtir

    Dayane Reis disse:
    16 de janeiro de 2017 às 13:25

    Olá!
    Não leio HQ! Na infância até lia a turma da mônica e outros. Também já li uns mangás. História de heróis e vilões são legais. O Coringa já conhecia, acho que todo mundo já ouvi falar, porém nunca me chamou atenção. Que pena que você achou essa história bem mais ou menos, tomara que a próxima que leia do gênero seja melhor. Beijos’

    Curtir

    Tammy (Livreando) disse:
    16 de janeiro de 2017 às 17:54

    Oi Ana,
    Aí meu coração! Eu simplesmente amo o Coringa de Ledger, amo de verdade, talvez me interessasse por essa Hg só pela semelhança, mas para quem procura novas visões e encaixes da história, realmente não vale a pena, já que traz algo mais repetitivo.
    Bjim!
    Tammy

    Curtir

    Quel disse:
    20 de janeiro de 2017 às 15:23

    Olá, não sou muito do gênero, mas com o que você apresentou aqui parece ser algo bem bacana…

    Acho que os fãs de HQs e do coringa irão adorar.

    Abraços

    Curtir

    nayborges disse:
    26 de janeiro de 2017 às 12:32

    Olá!
    Eu amo HQ’s, leio muitas, mas também sou meio leiga no assunto. Pra falar a verdade, eu prefiro as HQ’s da Marvel, nunca li alguma dos dos heróis ou vilões da DC. Uma pena que história dessa não seja tãaao incrível, mas realmente, as ilustrações são maravilhosas.
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s