[RESENHA#30]Arlequina #1: Uma estranha no ninho

Postado em Atualizado em

arlequina_01-600x917
Título:
Arlequina #1: Uma estranha no ninho
Ano: 2014
Páginas: 188
Editora: Panini Comics
Informações: Skoob / Goodreads

Sinopse: Arlequina está pronta para começar uma nova vida em uma nova cidade, mas, antes de qualquer coisa, ela precisa de um emprego! E quando a sociopata predileta de Gotham fica sabendo que herdou uma propriedade em um dos locais mais insanos dos EUA, ela se sente livre para buscar um trabalho livre de stress e que realmente ame… como patinadora de roller derby! Agora para ser feliz para sempre só resta à Harleen Quinzel se livrar dos caçadores de recompensa, dos mafiosos, dos espiões, dos assassinos…

 

 

 


Olá povo!! 

Quanto tempo não é mesmo?

Esse feriado MARAVILHOSO e muito merecido que tivemos nessa terça, me deu a oportunidade de ler um pouquinho, e como estou na vibe das leiturinhas rápidas (final de período na faculdade…. sinistro!!!), optei por uma HQ.

É a primeira vez que leio uma HQ por puro interesse e prazer, então, essa será minha primeira resenha “sem pressão” do gênero.

Já peço desculpas antecipadamente aos Loucos Por HQ de plantão!!

Então, Vamos lá!!

Jpeg

A HQ começa com algo bem louco. Arlequina dorme e começa a sonhar. Mas estamos falando de Arlequina não é mesmo? Loucura é algo normal!

Ela começa a falar com os desenhistas do HQ! Isso mesmo! Ela atravessa a quarta parede e conversa com seus criadores. Isso é simplesmente incrível!

E nessa de bater papo com seus desenhistas, durante a primeira parte da história, podemos ver o nível de loucura de seus criadores, roteiristas e desenhistas, metendo a nossa Anti-heroína em cada situação mais doida que a outra.

Jpeg

Contudo, vale citar que em meio a toda essa insanidade inicial, somos premiados com um estilo de desenho diferente por página. Temos a Dr. Harleen Frances Quinzel sob o olhar e traços de nada mais nada menos que 19 artistas diferentes!! Não é o máximo?? Eu fiquei simplesmente hipnotizada!! é cada traço mais fascinante que o outro!

Voltando a história, quando nossa piradinha acorda, acaba sobrevivendo a uma explosão onde encontravam-se todos os seus pertences mais valiosos.  Mas como nossos roteiristas mais insanos ainda estão no comando, eles dão uma oportunidade da doutora recomeçar, deixando ela com um prédio que acaba recebendo de herança.

E é a partir daí que desenrola toda a história, quando Harleen Conhece o prédio, os inquilinos e a divida com os gastos do prédio que ganhou de bônus.

Conhecemos as várias facetas de nossa piradinha quando ela sai a procura de emprego pra manter suas dívidas no prédio, suas novas amizades, as antigas quando Hera vem lhe ajudar em alguns momentos, seu lazer violento como patinadora de holler derby e esmagando cabeças de mercenários. Isso mesmo! Mercenários! Afinal, a cabeça de Arlequina está a premio.

Eu estou completamente apaixonada por essa Hq! Comecei muito bem! A Arlequina é insanamente maravilhosa e me rendeu boas risadas. Mesmo com todo sangue, matança, loucura, impulsividade, amor aos bichinhos abandonados e lealdade aos amigos. Eu simplesmente Amei!

Sem contar com o trabalho gráfico incrível da HQ.

Apenas preciso informar que, como imaginam, isso é traduzido, looooogo, as piadas também são traduzidas…. e …. então…. você, caro leitor, durante a leitura, vai se deparar com isso aqui…

Jpeg

Ou isso aqui….

Jpeg

Mas também tem momentos dos quais Arlequina é gente como a gente e mostra seu lado feminino sofredor….

Jpeg

Ou não…..

Jpeg

Enfim! é isso aí pessoal!!

Espero que tenham gostado da resenha!! 

ana-souza-neo-000

Anúncios

12 comentários em “[RESENHA#30]Arlequina #1: Uma estranha no ninho

    Karine Fernandes disse:
    17 de novembro de 2016 às 20:18

    Gente eu nunca tinha visto um HQ da Arlequina, e adorei. Que bom que já está no final do semestre, sinônimo de férias rsrs
    Adoro leituras rápidas, e adorei sua resenha.

    Beijos.

    Curtir

    Beta Oliveira disse:
    17 de novembro de 2016 às 22:18

    Conheço pouco da personagem, mas achei bem diferente a sua resenha. Obrigada pela dica!

    Curtir

    Rosana Gutierrez disse:
    17 de novembro de 2016 às 22:47

    Ola
    Gostei dos pontos que vc destacou na resenha.
    Não acompanho a Arlequina sozinha, conheço melhor o Esquadrão suicida mesmo hehe
    Mas se foi sua primeira resenha de HQ, está muito boa mesmo.
    Bjsss

    Curtir

    Memórias da Cat disse:
    18 de novembro de 2016 às 06:02

    Olá. Eu amo HQs e realmente eles tem a liberdade de fazer essas loucuras que voce cita aí. Gostei da temática e essas figuras estão lindas. Beijos

    Curtir

    Livros & Tal - Ana. disse:
    18 de novembro de 2016 às 13:59

    Oie, tudo bem?

    Arlequina é uma personagem bem enigmática, louca ao extremo, odiada e adorada – rs. Gosto bastante da personagem, mas não sou muito adepta de ler HQs, então vou passar a dica pro Ju, um amigo e parceiro de Blog que ama HQs. E está explicada a loucura da personagens, pelo que você falou sobre o lance com os criadores. kkkkk

    Beijo!
    Ana.

    Curtir

    Carla disse:
    18 de novembro de 2016 às 18:55

    Oie!
    Nossa, faz tempo que não leio alguma HQ, rs. E a Arlequina mesmo sendo uma “bandida”, eu gosto bastante da personagem. Inclusive, estou pensando em acompanhar essa HQ.
    bjks!
    Histórias sem Fim

    Curtir

    Michele Lopez disse:
    21 de novembro de 2016 às 13:19

    Olá,
    Não sou muito de ler HQ’s e fiquei deprimida ao extremo devido à tradução e inclusão de músicas tão imbecis em um quadrinho da arlequina!
    Gente, como isso foi acontecer? Indignada.
    Passo a dica rapidamente…

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    Curtir

    cila-leitora voraz disse:
    22 de novembro de 2016 às 06:48

    Oi Ana, sua linda, tudo bem?
    Confesso que só descobri Arlequina com o filme. Gente achei o máximo fazerem o quadrinho com desenho de artistas diferentes a cada quadro. Incrível!!! Achei bem divertido também. Faz tempo que não leio uma HQ, mas gostei muito dessa. Dica mais do que anotada. Sua resenha ficou ótima!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    Curtir

    Licavargas disse:
    23 de novembro de 2016 às 00:41

    Eu acredito que a tradução tem o direito de adaptar algumas piadas, mas confesso que elas tem que ficar dentro do proposto e confesso que seria decepcionante me deparar com as piadas que você mostra nas imagens. Para mim, seria bem difícil continuar lendo depois de uma delas.
    Por outro lado, essa ideia de ter mais de um traço na mesma HQ me faz pensar que seria um trabalho incrível e a história de maneira geral me parece super interessante. Fiquei com muita vontade de ler, mas acho que para mim ela só funcionaria mesmo no original…
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    Curtir

    Catharina Mattavelli Costa disse:
    23 de novembro de 2016 às 09:16

    Oie
    eu não sou fã desse tipo de hq, eu curto hqs mas não esse gênero, não sou fã de herois mas bem legal sua resenha mas com certeza meus amigos iriam amaaar hahaha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    Curtir

    Carol Ramires disse:
    23 de novembro de 2016 às 22:54

    Olá!
    Gosto muito de Hqs mas nunca fui louca por eles. Os da Arlequina nunca tive a curiosidade de ler, mas acho que a personagem está em foco hoje dia por causa do filme Esquadrão Suicida e isso é ótimo para discutir esses temas tão pesados que sua história aborda. Adorei a sua resenha!
    Beijos.

    Curtir

    Janaina Cristina de Azevedo Lesovski disse:
    29 de novembro de 2016 às 12:15

    Olá! Não sou muito fã de HQs, e nem conhecia esse personagem e não me interessei pela história, apesar de ter achado sua resenha muito boa. Parabéns.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s