[RESENHA#7]O Ar Que Ele Respira, de Brittainy C. Cherry

Postado em Atualizado em

O_AR_QUE_ELE_RESPIRA_1464795058584370SK1464795058B
Título:
O Ar Que Ele Respira – Elements 1

Autor: Brittainy C. Cherry
ISBN: 9788501075666
Ano: 2016
Páginas: 308
Editora: Record
Informações: Skoob / goodreads
Compre aqui: Submarino / Saraiva / Cultura / Amazon
Sinopse: Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.


D.E.V.A.S.T.A.D.A

Vou começar essa resenha avisando que estou completamente devastada.

Acabei de ler as ultimas páginas deste livro e eu estou arrasada.

O que é “O Ar Que Ele Respira”?

Como é possível você rir, chorar, ficar triste e feliz, incomodada e animada, tudo isso dentro de 304 páginas e 24 horas? Não faço ideia.

Comecei a leitura ontem a tarde e agora a tarde concluí, com uma leve sensação de perda. Queria mais, muito mais da história.

Em “O Ar Que Ele Respira” conhecemos Tristan e Elizabeth.
Tristan é um homem lindo e sombrio. Mal falado por toda vizinhança e de coração endurecido. Dizem que ele foge de alguma coisa que fez no passado. Ninguém sabe, mas Tristan, na verdade, perdeu de uma vez só a sua vida, sua alma, seu coração. Tristan perdeu sua linda esposa e seu maravilhoso filho num acidente.

“– Pegou tudo? – perguntou Jamie, parada no meio do hall de entrada da casa dos meus pais, roendo as unhas. Quando seus belos olhos azuis sorriram para mim, pensei na sorte que tinha por ela ser minha. ”

“MÃE: Aconteceu um acidente. Jamie e Charlie não estão bem.
MÃE: Venham para casa.
MÃE: Rápido!!!

  Num piscar de olhos, num breve momento, tudo que eu sabia sobre a vida mudou.”

Elizabeth é a jovem mãe de Emma. Elizabeth está se refugiando na casa da mãe, pois, mesmo que tenha se passado um ano, ainda é difícil voltar para casa e ver tudo aquilo que ela construiu com seu amado marido. Lizzie ainda não conseguiu sair do luto. Mas às vezes, é preciso encarar a vida, a dor e o sofrimento de frente. Por Emma. Apenas por Emma.

“Steven tinha morrido há um ano, e eu ainda tinha dificuldades para respirar.” Emma e eu morávamos em Meadows Creek, no Wisconsin, nossa casa de verdade. O lugar fio reformado, e nós o transformamos em um lar. Foi ali que eu e Steven nos apaixonamos, brigamos e fizemos as pazes inúmeras vezes.”

“Eu a amava mais do que ela poderia imaginas. Se não fosse por ela, com certeza já teria me rendido ao luto. Emma salvou minha alma.”

E é no momento que as vidas de Tris e Lizzie se cruzam, que toda a magia acontece. Eles se descobrem vizinhos, mas não só isso. Descobrem uma atração mútua e decidem “se usar” para se lembrarem de seus entes que não mais estão ali. Lizzie usa Tristan para não se esquecer do toque de Steven e Tristan Usa Lizzie para não se esquecer dos beijos de Jamie.
Nasce aí um relacionamento baseado unica e exclusivamente no interesse mútuo.

Os capítulos em certos momentos são intercalados. Nos de Lizzie, podemos acompanhar em quase 90% nos tempos atuais. Já no de Tris, vamos sabendo de seu passado trágico, até chegar, aos poucos, no momento atual.

“Ela se despia e fazia amor com seu passado.
Eu a penetrava e fazia amor com meus fantasmas.
Não era certo, mas mesmo assim fazia sentido.
A alma dela estava ferida, e a minha, devastada.
Mas quando estávamos juntos, doía menos. Quando estávamos juntos, o passado não parecia tão doloroso. Junto  dela, nunca me senti, nem por um momento, sozinho.”

Descobrimos seus medos, o luto, a dor, o modo as vezes sarcásticos de levar a vida, e a bondade no coração de cada um. Vemos a realidade das pessoas em quererem julgar ou ditar regras para o tempo ao qual o próximo deve sofrer, se abster da vida, o velho e conhecido julgamento da vida alheia; E vemos também que fim terá esse relacionamento ao qual um usa o outro, na intenção de jamais esquecer seus respectivos e falecidos ex conjunges.  

“– Vamos nos lembrar deles usando um ao outro? 
– Só se você quiser.
– Isso me parece uma ideia horrível, mas cheia de boas intenções.
– Uma parte enorme de mim sente falta de Jamie todos os dias. E abraçar você… – ele deslizou  língua gentilmente pelo meu lábio inferior– …me faz lembrar de como era abraça-la.
– Sentir as batidas do seu coração…– coloquei a palma da mão no peito dele – …me faz lembrar das batidas do coração dele.
– Passar a mão pelo seu cabelo…– seus dedos percorreram os fios, me fazendo suspirar – …me  ajudam a lembrar dos dela.
– Sentir sua pele na minha…– levantei a camisa dele bem devagar– … me lembra a dele.”

O livro é dramático, é fofo, é engraçado, é sedutor e acreditem, até momentos de ação tem.

Durante a leitura eu tive a clara sensação de ter sido levada para um mundo bipolar, em menos de 24 horas, e de passar por todos os tipos de sensações possíveis. Foi uma montanha russa emocional, foi único.

Pessoas, acreditem em todas as resenhas sobre esse livro que estão rolando por aí. É a mais pura verdade. O Livro é maravilhosamente incrível! Leiam!

Eu vou ficar aqui, com a minha famosa DPL(Depressão pós livro), porque tem livros que deixam a gente assim…

D.E.V.A.S.T.A.D.A

Ana Souza-NEO-000

Anúncios

14 comentários em “[RESENHA#7]O Ar Que Ele Respira, de Brittainy C. Cherry

    Rosana Gutierrez disse:
    6 de setembro de 2016 às 15:26

    Ola
    Eu gostei muitoooooo do livro, mas achei que a autora poderia ter desenvolvido mais o “meio” do livro. Depois da maratona de sexo, o Tristan muda muito de repente. Parece ser outra pessoa. Mas depois ela compensa, e fica tudo bom até o fim hehehe
    Sua resenha está muito boa 🙂
    Bjs

    Curtir

    Thatyane Alvarenga disse:
    7 de setembro de 2016 às 19:31

    Oi, só estou vendo elogios sobre esse livro e achei a premissa desse livro incrivel, e pela sua resenha, posso perceber que você amou o livro. Fiquei muito curiosa para saber o que aconteceu no passado de Tristan para deixa-lo assim e como se desenrola o relacionamento entre entre ele e Elizabeth. Dica anotada.
    bjus

    Curtir

    Leitura Descontrolada disse:
    8 de setembro de 2016 às 11:33

    Olá,
    Imagino o que deve estar sendo você passar por essa DPL hein.
    Só vejo ótimas críticas acerca da obra, mas ainda não li e só pretendo fazê-lo quando todos os livros da série forem lançados pois odeio ter que esperar.
    Enquanto isso morro de curiosidade para saber porque você ficou tão devastada assim e como os personagens irão se conhecer! Quero muito saber mais sobre o passado de Tristan.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    Curtir

    Livros&Tal disse:
    8 de setembro de 2016 às 14:18

    Ana menina… você descreveu exatamente tudo o que eu senti ao ler esse livro.
    Ri, chorei, fiquei incomodada, fiquei apaixonada…
    Sua resenha está linda!!!! Parabéns de verdade!

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    Curtir

    JOANICE DA SILVA OLIVEIRA disse:
    9 de setembro de 2016 às 10:50

    Olá linda,

    Eu sabia que o livro era melhor do que eu já tinha lido em outras resenhas, porque vi que a premissa dar “corda” para muitas temáticas e um enredo mais trabalhado e os personagens despertaram meu interesse por causa da relação que eles tem entre eles.

    Já está na minha lista de desejados.

    Beijos!

    Curtir

    Isabel Góes disse:
    9 de setembro de 2016 às 11:37

    Olá,

    achei a capa linda, mas algo nele não chama a minha atenção, não me prende.

    Legal vc ter gostado tanto do livro. Bom demais, parabéns

    Curtir

    Gaby Marques disse:
    9 de setembro de 2016 às 15:25

    Mais uma resenha maravilhosa, agora me diz: como resistir a essa leitura? Não sei. Assim que tiver um tempinho irei ler e espero amar tanto quanto você. Minha amiga leu e adorou. Sua resenha ficou ótima ❤
    Beijoos

    Curtir

    Ana Lícia disse:
    11 de setembro de 2016 às 02:49

    Oiiii.
    Olha, estou quase lendo este livro, sério. Pois é tantas pessoas falando que é maravilhoso, que estou muito curiosa. Com medo de jogar dinheiro fora. Pois leio pouco NA, mas a vontade está crescendo. Haha. E você vai entrar para lista de culpadas. Adorei a empolgação, me contagiou.

    beijos

    Curtir

    Carol Ramires disse:
    11 de setembro de 2016 às 09:05

    Olá!
    Eu tenho esse livro aqui e estou quase passando ele na frente de todos para ler por causa de tantas resenhas maravilhosas sobre ele. Fiquei simplesmente apaixonada por essa história e quero saber como ela vai se desenvolver.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    Curtir

    Daniela disse:
    11 de setembro de 2016 às 10:26

    A cada nova resenha que leio desse livro, minha vontade de ler só aumenta. Comprei esses dias na Bienal e não vejo a hora de ler. Estou até pensando em colocar ele na frente de outros livros e ler de vez.

    Curtir

    Tatiany Salazar (@Tatiany_Salazar) disse:
    12 de setembro de 2016 às 01:14

    Olá.
    A cada resenha que leio fico ainda mais animada. EU PRECISO DESSE LIVRO LOGO.
    Todo mundo diz maravilhosas desse livro, a sua resenha me deixou muito curiosa messssssssmo, o livro parece ser perfeito. A premissa me conquistou e as quotes são ótimas.
    Um livro que mexe com nossos sentimentos assim me deixa bem feliz mesmo. Espero poder lê-lo em breve.

    Curtir

    Catharina Mattavelli Costa disse:
    14 de setembro de 2016 às 12:00

    Oie
    muito legal sua resenha, eu li o livro e também porém algumas coisas realmente me incomodaram bastante na leitura, não gostei do protagonista mas curti o enredo, então é aquela coisa de amor e ódio sabe? haha

    BEIJOS
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    Curtir

    Vivianne Sophie disse:
    15 de setembro de 2016 às 10:41

    Olá,

    Li esse livro no ano passado e gostei tanto dessa história. Adorei o romance dos protagonistas, que foi muito bem construído e me prendeu totalmente na leitura. Gostei também da problematização que surgiu na obra e o final bem impactante. Já gostava dessa autora antes, agora virei fã.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    Curtir

    […] Respira?? Alguém lembra o quanto eu fiquei D.E.V.A.S.T.A.D.A? (Não? Então refresque a memória aqui) Logo, vocês imaginam o que aconteceu comigo quando eu descobri que estava em pré venda. eu […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s